Musculação é uma forma de exercício físico para o fortalecimento dos músculos. Na musculação, o músculo a ser fortalecido deve fazer contração contra uma resistência. A contração muscular pode ser de 3 tipos: concêntrica, excêntrica ou isométrica. A resistência imposta ao músculo pode ser a própria gravidade ou aquela dada por equipamentos, molas e elásticos.

As salas de musculação costumam ter 3 tipos de alunos: aqueles que estão treinando para finas atléticos, aqueles que estão treinando para manter a boa saúde e há ainda pessoas fazendo exercícios para recuperação de lesões ou cirurgias.

O fortalecimento dos músculos dos membros inferiores é muito importante para evitar ou minimizar as lesões no joelho. Mas os mesmos exercícios de musculação que podem ajudar a evitar lesões podem também ser os causadores de lesões.

Os exercícios de musculação precisam ser feitos sob a orientação de um educador físico ou fisioterapeuta, preferentemente que tenham feito especialização na área. O profissional precisa ter conhecimentos de anatomia, fisiologia, biomecânica e lesões músculo-esqueléticas. As variáveis envolvidas na musculação são muitas e somente um especialista poderá indicar a melhor série de exercícios específicos para cada aluno.

As lesões no joelho devido à musculação são causadas pela execução errada dos exercícios, excesso de carga ou excesso de treinamento. Para fortalecer, o músculo precisa ser sobrecarregado e depois descansar. Mas a sobrecarga deve ser progressiva. Se a carga for muito alta, se a mudança nas cargas não for gradual, se o exercício for executado de forma exagerada e se não se respeitar o tempo de recuperação, surgem as lesões.

Se sentir algum incômodo ou dor durante os exercícios de musculação, converse primeiro com o seu instrutor. Se a dor persistir, consulte um médico ortopedista especialista em joelho.

Muitas pessoas descobrem que têm lesões no joelho quando começam a fazer aulas de musculação e o joelho, que antes era assintomático, começa a dor.