OBESIDADE

SOBREPESO E LESÕES NOS JOELHOS

Ouço frequentemente no consultório a seguinte frase de alguns pacientes: “ Doutor Adriano, eu estou tentando perder peso, mas não consigo fazer exercícios físicos porque os meus joelhos doem e, por causa disso, estou ganhando mais peso “. Esse é um círculo vicioso perigoso que precisa ser quebrado. Não é incomum o paciente entrar num programa de exercícios para perder peso e acabar sentindo dores nos joelhos ou mesmo lesionando os joelhos.

A obesidade é um problema que está ficando comum no Brasil. Nos Estados Unidos, por exemplo, mais de 36% dos adultos são obesos. Para combater esse problema é necessário se alimentar melhor e fazer exercícios.

Para os joelhos o problema está exatamente aí: por ser o centro de uma alavanca que também suporta o peso do corpo, o joelho é muito sobrecarregado com o aumento de peso de uma pessoa. Estudos estimaram que para cada 1kg ganho a mais de peso, no joelho esse peso pode ser multiplicado por 10. Ou seja, se uma pessoa está 5kg acima do seu peso ideal, seus joelhos estão suportando 50kg a mais, dependendo da atividade que ela faz. O joelho, já sobrecarregado, facilmente pode ser lesionado se a pessoa fizer exercícios inadequados ou em exagero.

O ideal é que a pessoa procure ajuda de um bom preparador físico para fazer um programa de exercícios para perder peso sem sobrecarregar as articulações. Uma pessoa obesa deve evitar exercícios de impacto ou que forcem os joelhos até que atinja o peso ideal. Somente depois de estar com o peso dentro da faixa de normalidade é que ela pode começar esses tipos de exercícios. Penso que uma pessoa obesa deve evitar correr, por exemplo, mas pode fazer exercícios na água à vontade.

Todo paciente com sobrepeso e que deseja emagrecer precisa da ajuda de 2 profissionais: um bom NUTRICIONISTA para aprender a se alimentar melhor e um bom PREPARADOR FÍSICO para orientar os exercícios adequados. Se sentir algum incômodo no joelho, sempre consultar um bom ORTOPEDISTA ESPECIALISTA EM JOELHO.